Criar filtros de fluxo de dados mais complexos com SAQL

Nós de filtros em seus fluxos de dados agora oferecem suporte para a Linguagem de consulta do Salesforce Analytics (SAQL), portanto, você pode criar filtros mais complexos para receber apenas os dados de que precisa em seus conjuntos de dados. A SAQL oferece a você uma gama mais ampla de operadores. Por exemplo, você pode filtrar em uma matriz de valores, em correspondências parciais e em datas relativas.

Onde: Esse recurso se aplica ao Einstein Analytics no Lightning Experience e Salesforce Classic. O Einstein Analytics está disponível na Developer Edition e, por um custo extra, nas Enterprise, Performance e Unlimited Editions.

Quem: Para criar ou editar um fluxo de dados, você deve ter a permissão Editar fluxos de dados do Analytics.

Como: Ao adicionar um nó de filtro no editor de fluxo de dados, a SAQL é selecionada por padrão. Imagine que você deseja criar um conjunto de dados de grandes oportunidades fechando em breve para identificar onde você pode precisar de patrocínio executivo. Você adiciona esse filtro usando o operador in para incluir oportunidades nos dois últimos estágios de seu ciclo de vendas. Você também usa current month como uma data relativa para incluir oportunidades que se fecham nesse mês.Instantâneo do nó do filtro no editor de fluxo de dados com a seção de SAQL destacada

Se você estiver adicionando o nó do filtro no JSON do fluxo de dados, use o parâmetro saqlFilter. Ignore as aspas duplas dentro do filtro com \.
"filterOpps": {
    "action": "filter",
    "parameters": {
      "source": "getOpps",
      "saqlFilter": "(StageName in [\"Proposal/Price Quote\", \"Negotiation/Review\"]
      || date('CloseDate_Year', 'CloseDate_Month', 'CloseDate_Day') in [\"current month\" .. \"current month\"]) 
      && Amount >= 100000"
    }
  },